Lingues :   Português Español English Français

Contactez-nous  Fale conosco  - Quem somos? 
Estadas e excursões em Natal e no Rio Grande do Norte
  Accueil   Saiba mais   Visitas   Pacotes
Um clima excepcional
uma natureza de grande beleza

Venha visitar esse
        paraíso para o turismo
 Atrações   | Regiões   | Fotos   | Vídeos  








Recomendar: Recomendar no facebook Recomendar no twitter
Marés
Baixa
m
m
Alta
m
m


Notícias

01/12/2008 Info - Turismo: RN disputa mercado com PB e PE
Rio Grande do Norte, Paraíba e Pernambuco chegam às vésperas da alta estação com estratégias distintas para atrair mais turistas em comparação ao verão passado. A Paraíba dedicou 2008 a ações de divulgação nos principais mercados emissores do Brasil e deu subsídios econômicos às companhias aéreas, que garantiram um acréscimo de quase 100% no número de vôos. Pernambuco mais que dobrou seu número de vôos charter, triplicou suas verbas de divulgação e está investindo pesado no mercado argentino. Com poucas verbas de divulgação e sem possibilidade de subsidiar sua aviação, o RN confia exclusivamente nas belezas naturais e na infra-estrutura hoteleira para atrair visitantes.

Em comum, os três estados têm apenas o otimismo de suas autoridades com relação ao desempenho na alta estação. Os governos esperam que o turismo doméstico garanta uma ocupação média acima de 80% em suas redes hoteleiras, graças ao momento favorável às viagens dentro do País, em função da alta na cotação do dólar e do euro.

Na Paraíba, a aposta é no turismo de família, que hoje representa 72% do público visitante, segundo informações oficiais do estado. Os paraibanos confiam em diferenciais como o roteiro Civilização do Açúcar, que vem atraindo um grande volume de turistas escandinavos, e a praia naturista de Tambaba. Para garantir mais projeção no cenário nacional, eles dedicaram 2008 a ações de divulgação Brasil a fora. Paralelamente, buscaram o crescimento no fluxo aéreo para o estado.

A exemplo da Paraíba, Pernambuco aposta na diversidade, unindo atrações naturais como Fernando de Noronha e Porto de Galinhas, à cultura do sertão e o carnaval de Olinda e Recife. O estado estima um crescimento de 10% no seu fluxo turçistico, com base no aumento do número de vôos e nos projetos de promoção turística no Brasil, onde o estado visitou 14 grandes cidades com seu projeto Perambuco Pra Você, e na Europa, onde o craque Juninho Pernambucano atua como garoto-propaganda.

No RN, o otimismo do secretário estadual de turismo, Fernando Fernandes, contrasta com o desespero de alguns hoteleiros do estado. Em reportagem publicada na última edição de O Poti, empresários do setor previram ocupação máxima de 65% a 70%. Um deles, o executivo Sandro Pacheco, confessou que o hotel que administra vive o pior momento em 12 anos de existência. Os empresários colocam a culpa desta suposta crise no governo, que não estaria dispensando a devida atenção à divulgação do destino.

Gabriel Trigueiro
Da equipe de O POTI



Fonte: Dn Online - Antônio Roberto Rocha - 16/11/2008


<< Volta

Copyright�2008 BrasilRN D�vidas / Newsletter I Links Anuncie no BrasilRN / Seu servi�o gr�tis Fotos de Y.Masset